Bem-vindos ao Festival Internacional de Marionetas do Porto!

Igor Gandra · Diretor Artístico

Neste festival, as marionetas, os objetos e as matérias ganham vida e fazem-no para nos desafiar a pensar sobre o mundo das coisas de uma perspectiva diferente – talvez um pouco mais próxima da sua – para nos redescobrirmos, talvez, na nossa velha e irredutível humanidade sempre renovada.

A edição de 2020 do FIMP traz-nos universos e estéticas muito diversos e que, no seu conjunto, articulam algumas possibilidades para um discurso sobre as ciências e a política na performance da matéria animada. Uma parte destas propostas coloca- nos perante a (i)materialidade das imagens que o convívio com a multiplicidade de ecrãs, no (tele-)trabalho e na intimidade já nos fez interiorizar... Os objetos animados com a sua inocência (ou o seu desplante, se virmos bem) assumem no FIMP a tarefa de manufacturar ao vivo estas imagens perante os nossos olhos. Neste mesmo alinhamento teremos ainda a possibilidade de conhecer artistas incontornáveis da performance com matérias e objetos que nos trazem corpos e rostos impossíveis, cosmogonias alternativas, estreias absolutas e outras surpresas.